sábado, 12 de janeiro de 2013

[LIVRO] - GOD OF WAR -


Para aqueles que amam histórias sobre mitologia grega, já assistiram todos os filmes da série "Fúria de Titãs" e são fãs de Percy Jackson, tenho apenas uma coisa a dizer... Esqueçam tudo o que viram até agora, porque Kratos fará Perseu e Percy parecerem menininhas assustadas...

God of War (Deus da Guerra) é um livro baseado em outro game de sucesso, dessa vez o mundo literário adaptou a obra mais brutal de todos os tempos que nem mesmo os Deuses deixarão de ler. O protagonista se chama Kratos, um mortal espartano que busca vingança contra o próprio Deus da Guerra, Ares... Sua busca o leva até os mais terríveis lugares da terra, mas nem mesmo o inferno de Hades poderá para-lo, Kratos é o retrato da brutalidade, ele retalha e destrói tudo e todos que entram em seu caminho e não irá parar até tirar a vida do responsável por ter feito de sua vida uma maldição.

Tudo começou quando Kratos liderava seu exército contra as tropas bárbaras, a batalha sangrenta resultou na primeira derrota da vida de Kratos, o sangrento capitão de esparta estava perante a morte, o rei bárbaro erguia seu martelo acima de sua cabeça, Kratos sabia que era seu fim... Mas antes que sua alma fosse enviada para o Estige ele clamou ao Deus da Guerra, jurando que sua vida seria dele em troca da total destruição de seus inimigos... Ares ouviu sua suplica e atendeu, todo o exército dos bárbaros foi dizimado num piscar de olhos... Então nos braços de Kratos correntes foram fundidas com seus ossos, e nas pontas, duas lâminas forjadas no próprio inferno tomavam lugar, as Lâminas do Caos, com essa arma o espartano cortou a cabeça do rei bárbaro dando início à um período de dez anos de servidão aos Deuses, ele foi chamado de Punho de Ares, Campeão de Atena, Fantasma de Esparta... Mas Kratos nada havia ganhado se não anos de maldição, pesadelos onde via os vários crimes que cometeu. Então certo dia ele recebeu a mensagem de Atena, ela ordenava que ele salvasse sua cidade, Atenas, e para isso ele deveria derrotar Ares, lá estava sua oportunidade de vingança, e ele não pararia por nada...

Eu sou grande fã da série, e já terminei de jogar dois títulos da franquia, logo que vi a capa do livro enquanto entrava na livra resolvi comprar. Resumindo bem eu poderia dizer que a história é fantástica, mas adaptar para o mundo literário um game tão sangrento não resultaria em nada menos que páginas repletas de ação, sim... Tem ação até demais, se torcer o livro sai sangue e as vezes isso pode se tornar um pouco chato, no entanto o ponto positivo dessa obra é que ela mostra coisas que não se vê no game, por exemplo, o que se passava no Olimpo enquanto Kratos vivia sua jornada. Isso pode tornar tudo mais interessante, mas em resumo, você terá muitas páginas de violência e brutalidade, mortos vivos sendo despedaçados, ciclopes engolindo seus próprios olhos (contra a vontade, é claro!), entre outras bárbaries... 

Eu diria que vale a pena para quem é fã porque dá a chance de entendermos melhor a história, já que no game estava tudo em inglês. Para aqueles marinheiros de primeira viagem, eu diria que não se assustem caso estejam curiosos sobre esse livro, leiam... Mas tenham em mente que é um livro de ação frenética e há poucos momentos de descanso.







2 comentários:

sajater disse...

eu adoro mitologia e nunca joguei God of War, mas ele me dá um bom arcabouço nas escolas que eu dou aula, porque todos os alunos adoram God of War! rsrsrsrs Queria eu, que eles se interessassem em ler pelo menos o livro do game! Ia ser legal!

Lohan Nobre disse...

Incetiva eles a ler, quem sabe começando com algo que eles ja gostam eles nao venham a pegar no tranco!

Postar um comentário

Conte o que você achou da postagem