domingo, 24 de maio de 2009

Sábado, Jonas Brothers e Lembranças

Não. Eu não sou fã da banda Jonas Brothers. Mas qualquer pessoa que viva no Brasil esse fim de semana, senão os conheciam, passaram a conhecer. Tudo porque 1º - Eles estavam em todos os canais e programas na TV de ontem e hoje (É Fantástico...). 2º - eles iriam realizar um show na Apoteose e levar centenas de adolescentes histéricas e ansiosas para cantar as músicas com eles e apertarem a mão do Nick (O mais velho dos irmãos, senão me engano...)!
Eu estava indo para o trabalho na manhã de Sábado, e claro tinham duas adolescentes (que valiam por dez) ansiosíssimas para estarem no show... que iria começar as 19:30! Meu pensamento? Podendo ficar dormindo, elas quiseram passar o dia debaixo do Sol esperando numa fila gigante para entrar num show? Não, eu não sou uma velha ranzinza. Eu só percebi que havia passado dessa fase em que tudo é festa.
Depois que as meninas desceram, todos se perguntavam quem eram esses "Jonas alguma coisa" Eu posso dizer que já havia lido a respeito e ouvido a respeito deles, mas não conhecia nenhuma música. Uma mulher sentou do meu lado e simplesmente falou: "Eu lembro que na minha época eram os Menudos, mas nunca fiz sacrifícios assim!"

Essa é a inspiração pro tópico de hoje. As vezes, não entendemos mais o furor dessas adolescentes com suas bandas, astros, filmes pelo fato de que a gente passou da fase e nem lembra (ou não quer lembrar por se sentir constrangido) por "suas loucuras" nessa época. Eu sou da geração (agora, de jovens adultos) em que Leonardo diCaprio era o homem mais lindo do planeta, Titanic o filme pop, Chiquititas era o grupo e novelinha perfeita e BackStreet Boys era a melhor boyband do mundo! Tinha pôsteres grudados no meu quarto do Leo diCaprio, fui no show da Chiquititas (eis o emabaraço em questão! rs), cantava as músicas do BSB decoradas e assisti 200.000 vezes Titanic. Agora, o "ser que vos fala" bem queria recriminar as meninas e adolescentes que atualmente são loucas por Jonas Brothers e McFly, que fizeram de Crepúsculo O filme, Robert Pattison o cara mais gostoso do planeta e RBD a banda e a novela pops! Sem condições...

Esse post é uma reflexão pura e simples a respeito das fases da nossa vida. Não podemos dizer que não-sei-quem é louco, se quando éramos adolescentes fizemos tudo isso, e amamos bandas incondicionalmente... Quantas vezes, desejamos apenas ter um autógrafo ou pegar na mão no vocalista. Foi uma época em que curtimos tanto com nossos hormônios a flor da pele a nossa maneira. Espero realmente que todas as garotas e garotos tenham saído desse show com a terça parte da alegria que eu senti quando foi minha época.

Eu me considero uma grande adolescente e criança que agora assumiu responsabilidades enormes na vida, mas que se mantém curtindo tudo sem preconceito, como Crepúsculo, Menudos e Elvis. Cada um de uma época em específico, mas que marcaram uma geração inteira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário